Incêndio destrói fábrica de cosméticos em Vinhedo, SP

Estrutura do prédio foi abalada, e local acabou condenado pela Defesa Civil.
Queda de viga da fábrica durante o incêndio danificou residência vizinha.

230816

Uma fábrica de cosméticos ficou destruída após um incêndio atingir o local durante a madrugada de domingo (21) para segunda-feira (22), em Vinhedo (SP).

Parte do teto desabou e ferros ficaram retorcidos com a intensidade das chamas. “Quando chegamos ao local, o fogo já estava consumindo toda a fábrica. Tinha um cilindro com acetileno, que é um gás altamente inflamável. Resfriamos e tiramos ele da edificação, e fizemos o combate externo”, contou Tiago Moreira, sargento do Corpo de Bombeiros.

Durante o incêndio, uma viga da empresa caiu e quebrou diversas telhas de uma residência vizinha. A parte interna da casa de Edgar Malvezzi também foi danificada, com mesas quebradas, e pedaços de concreto espalhados por todos os lados.

“Dá um desânimo. Não em limpar, mas só de pensar em fazer tudo novamente, você deixar tudo em ordem”, disse o aposentado.

O prédio da fábrica de cosméticos foi condenado pela Defesa Civil. “Toda a estrutura da edificação foi abalada e não tem mais como recuperar”, contou o sargento do Corpo de Bombeiros.

As causas do incêndio ainda serão investigadas.

Prédio foi condenado pela Defesa Civil (Foto: Reprodução EPTV)

Prédio foi condenado pela Defesa Civil (Foto: Reprodução EPTV)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Fábricas, [Incêndios em SP] | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio destrói galpão de fábrica de cobertor em rodovia de Limeira, SP

Fogo começou na noite de terça (16), combate foi até madrugada de quarta.
Causas das chamas serão investigadas; 60 mil litros de água foram usados.

180816_1

Uma fábrica de cobertores e pisos, que fica na rodovia que liga Limeira (SP) a Iracemápolis (SP) pegou fogo na noite de terça-feira (16). Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio foi de grandes proporções e as equipes levaram cerca de três horas para controlar as chamas que tomaram conta dos galpões e paredes do estabelecimento. As causas do incidente serão investigadas. Não houve feridos.

Cerca de 60 mil litros de água foram usados para conter as chamas. O fogo começou por volta das 20h. O expediente na fábrica, que fica na Rodovia Doutor João Mendes da Silva Júnior (SP-151), tinha acabado.

De acordo com os bombeiros, dois funcionários que faziam a segurança do local sentiram cheiro de fumaça e chamaram a corporação. Equipes da Defesa Civil de Iracemápolis ajudaram no abastecimento de água.

Pelo menos, 20 homens dos batalhões dos Bombeiros de Piracicaba (SP) e de Iracemápolis (SP) também foram chamadas para combater o fogo. “A matéria-prima para fabricação de cobertores é bastante inflamável e, devido a isso, o trabalho é mais complicado”, disse o capitão Kleber Moura.

Incêndio de grandes proporções destrói depósito de fábrica de cobertores (Foto: Reprodução/EPTV)

Incêndio de grandes proporções destrói depósito de fábrica de cobertores (Foto: Reprodução/EPTV)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Galpões, [Incêndios em SP] | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Bombeiro Civil: Uma visão contemporânea e realista

Artigo escrito pelo Coronel Wagner Mora

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Revista Incêndio – Agosto 2016

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, incêndio | Marcado com , , | Deixe um comentário

Incêndio destrói galpão de lavanderia e mobiliza bombeiros em Jundiaí

Segundo os bombeiros, local armazenava tecidos.
Equipes passaram a madrugada contendo o fogo; não houve feridos.

Incêndio atingiu galpão de produtos plásticos de indústria (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Incêndio atingiu galpão de produtos plásticos de indústria (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Um  incêndio de grandes proporções mobilizou várias equipes do Corpo de Bombeiros, na madrugada deste domingo (14), em Jundiaí (SP). O fogo atingiu um galpão que armazenava tecidos de uma lavanderia industrial localizada no Jardim Aeroporto.

Segundo os bombeiros, foram usadas cinco viaturas e 17 pessoas para conter as chamas no galpão, que não tinha funcionários. Não há informações até o momento sobre os prejuízos causados pelo fogo.

As chamas podiam ser vistas por motoristas que trafegavam nas rodovias Dom Gabriel e Bandeirantes. De acordo com relato de testemunhas, essa é a segunda vez que a lavanderia é atingida por um incêndio. Apesar dos estragos, ninguém ficou ferido. O local foi interditado para o trabalho da perícia e as causas do fogo serão investigadas.

Bombeiros passaram a madrugada contendo o fogo (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Bombeiros passaram a madrugada contendo o fogo (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Galpões, [Incêndios em SP] | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio de grandes proporções atinge lojas e hotel em Santarém

Fogo começou durante a madrugada deste sábado (13).
Corpo de Bombeiros esteve no local e fez o controle das chamas.

Chamas foram maiores na estrutura do hotel (Foto: Reprodução/TV Tapajós)

Chamas foram maiores na estrutura do hotel (Foto: Reprodução/TV Tapajós)

Um incêndio de grandes proporções atingiu pelo menos seis lojas e um hotel durante a madrugada deste sábado (13), no Centro Comercial de Santarém, no oeste do Pará. Os estabelecimentos ficam na Travessa dos Mártires, com a Lameira Bittencourt. Apesar das proporções, não há informações de vítimas. (Veja a galeria de imagens)

De acordo com moradores de prédios, o fogo começou por volta de 2h. A primeira loja atingida pelas chamas foi um armarinho, em seguida o fogo se propagou para o hotel que fica nos altos do estabelecimento, depois se espalhou para as lojas próximas.

Esquina da Lameira Bittencourt com a Travessa dos Mártires, local do incêndio (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Esquina da Lameira Bittencourt com a Travessa dos Mártires, local do incêndio (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Segundo relatos, primeira loja atingida pelo fogo foi um armarinho (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Segundo relatos, primeira loja atingida pelo fogo foi um armarinho (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Ao menos seis viaturas de combate a incêndio do quartel do Corpo de Bombeiros, incluindo uma viatura da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), que fica no Aeroporto Maestro Wilson Fonseca, estiveram no local. Os militares trabalharam por quatro horas e meia para controlar as chamadas. Mais de 100 mil litros de água foram utilizados. O rescaldo começou por volta de 6h30.

Um vigilante noturno da área relatou que viu um poste de energia em curto circuito um tempo antes do incêndio, e pode ser que o fogo tenha sido provocado por problemas na rede elétrica, mas segundo os bombeiros, ainda não é possível afirmar as reais causas.

Nota da Concessionária de energia
A Celpa informou em nota que ainda está apurando junto ao corpo de bombeiros as reais causas do acidente. Assim que ficou sabendo do ocorrido, uma equipe foi enviada para o local para dar apoio na situação.

Diante deste cenário, a empresa aproveita para orientar os seus clientes a fazerem manutenções e vistorias periódicas nas instalações elétricas internas dos imóveis.

Algumas mercadorias foram retiradas de dentro das lojas (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Algumas mercadorias foram retiradas de dentro das lojas (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Hotel atingido pelo fogo (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Hotel atingido pelo fogo (Foto: João Carlos Brasil/TV Tapajós)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Lojas, Santarém, [Incêndios no PA] | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio em espetaria causa prejuízo de R$ 100 mil em Presidente Prudente

Fogo começou a partir de um curto-circuito em um freezer.
Estabelecimento fica localizado no Conjunto Habitacional Mário Amato.

Incêndio atingiu o salão principal da espetaria (Foto: Heloise Hamada/G1)

Incêndio atingiu o salão principal da espetaria (Foto: Heloise Hamada/G1)

Um  incêndio destruiu parte de uma espetaria localizada no Conjunto Habitacional Mário Amato, em Presidente Prudente, na madrugada desta quinta-feira (11). De acordo com o proprietário do estabelecimento comercial, Josmar Teixeira Resende, por enquanto, o prejuízo estimado é de cerca de R$ 100 mil.

Curto-circuito começou no freezer (Foto: Heloise Hamada/G1)

Curto-circuito começou no freezer
(Foto: Heloise Hamada/G1)

O dono afirmou que fechou o local por volta da 0h e foi para sua casa. Contudo, em torno das 2h, os vizinhos da espetaria ligaram para ele e avisaram sobre o incêndio. O Corpo de Bombeiros foi acionado e controlou as chamas.

No momento do incidente, não havia ninguém no imóvel. “A perícia veio e falou que o fogo começou no freezer, que fica perto da churrasqueira, onde havia carvão. O fogo derreteu o forro de isopor e as mesas de plásticos, mas ficou somente no salão principal”, explicou Resende.

Ele contou ao G1 que abriu a espetaria em abril deste ano e que possui seguro contra incêndio. “Por enquanto, o prejuízo é de R$ 100 mil. Só Deus mesmo para levantar a gente de novo. Minha esperança é de reabrir em 30, 60 dias”, relatou.

Pela manhã, o proprietário estava retirando as bebidas das geladeiras que não foram atingidas.

Incêndio aconteceu na madrugada desta quinta-feira (11) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Incêndio aconteceu na madrugada desta quinta-feira (11) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Prejuízo estimado pelo proprietário é de R$ 100 mil (Foto: Heloise Hamada/G1)

Prejuízo estimado pelo proprietário é de R$ 100 mil (Foto: Heloise Hamada/G1)

Incêndio aconteceu na madrugada desta quinta-feira (11) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Incêndio aconteceu na madrugada desta quinta-feira (11) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Curto-circuito começou no freezer do estabelecimento (Foto: Heloise Hamada/G1)

Curto-circuito começou no freezer do estabelecimento (Foto: Heloise Hamada/G1)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Restaurantes, [Incêndios em SP] | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio destrói galpão de granja em Bastos

Fogo foi controlado depois de nove horas de trabalho.
Causa do incêndio não foi identificada; ninguém ficou ferido.

110816_4

Um incêndio de grandes proporções atingiu o setor de embalagens de uma granja em Bastos (SP), nesta quarta-feira (10). Ninguém ficou ferido.

Equipes do Corpo de Bombeiros de Tupã foram acionados para controlar o incêndio que começou às 8h30. A corporação teve auxílio de caminhões-pipa de uma usina e da prefeitura.

O fogo foi controlado por volta das 17h30, mas a corporação ainda trabalhou fazendo o rescaldo. Segundo os bombeiros, a causa do incêndio ainda não foi identificada.

Incêndio de grandes proporções atingiu granja de Bastos (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Incêndio de grandes proporções atingiu granja de Bastos (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Bombeiros trabalham para controlar as chamas (Foto: Valdecir Luís/Arquivo Pessoal)

Bombeiros trabalham para controlar as chamas (Foto: Valdecir Luís/Arquivo Pessoal)

Bombeiros de Tupã trabalham para controlar incêndio (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Bombeiros de Tupã trabalham para controlar incêndio (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Galpões, [Incêndios em SP] | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio em hospital de Bagdá mata pelo menos 12 bebês

Curto-circuito teria provocado as chamas.
Vítimas eram crianças prematuras e que estavam em incubadoras.

110816_1

Ao menos 12 recém-nascidos morreram no início da manhã desta quarta-feira (10) em um incêndio provocado por um curto-circuito em um dos maiores hospitais da capital iraquiana, Bagdá, segundo o último balanço divulgado pelas equipes médicas e de segurança iraquianas.

O porta-voz do ministério, Ahmed al-Rudaini, afirmou que foram resgatados do hospital Yarmuk 29 mulheres e sete crianças, segundo a Efe. Outros três bebês estão sendo tratados por asfixia, relatou a France Presse.

Os serviços de segurança isolaram o perímetro enquanto as equipes médico-legais inspecionavam a sala incendiada. Irritados, os familiares se concentraram em frente ao estabelecimento à espera de mais informações das autoridades.

Devido aos poucos dias de vida dos falecidos e dos danos causados pelo fogo, os cadáveres eram difíceis de identificar, o que aumentava a dor de pais e parentes.

Um Ahmed se dirigiu ao hospital Yarmuk para visitar uma parente que tinha acabado de ter um filho. O recém-nascido morreu no incêndio e ela sofreu queimaduras, explicou.

“Disseram-nos: ‘você o encontrará na câmara frigorífica’. Eu o encontrei em uma pequena caixa de papelão, mas não estou certa nem mesmo se é a criança”, declarou Um Ahmed, vestida de preto.

Incubadora queimada no incêndio no hospital Yarmuk, em Bagdá, no Iraque, nesta quarta-feira (10) (Foto: Sabah Arar / AFP)

Incubadora queimada no incêndio no hospital Yarmuk, em Bagdá, no Iraque, nesta quarta-feira (10) (Foto: Sabah Arar / AFP)

Embora as primeiras informações apontem um curto-circuito como causa do incêndio, as autoridades formaram uma comissão para apontar o que provocou as chamas.

É possível que o caso intensifique as acusações de corrupção estatal e má gestão, segundo a agência Deutsche Welle. Imagens postadas recentemente nas redes sociais mostram o hospital em estado de abandono, com baratas rastejando entre telhas quebradas, lixeiras trasbordando, banheiros sujos e pacientes deitados em macas no pátio.

“O hospital é muito antigo e não está equipado contra os incêndios”, admitiu Jasem Latif al Hijami, responsável pela Direção de Saúde de Bagdá.

Mulher fala ao telefone em frente ao hospital Yarmuk, em Bagdá, que foi atingido por um incêndio nesta quarta-feira (10) (Foto: Sabah Arar / AFP)

Mulher fala ao telefone em frente ao hospital Yarmuk, em Bagdá, que foi atingido por um incêndio nesta quarta-feira (10) (Foto: Sabah Arar / AFP)

Fonte: G1 Globo

Publicado em Bagdá, Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, Incêndios em Hospitais | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Incêndio em bar deixa 13 mortos na França

Mortos eram jovens entre 18 e 25 anos; 6 pessoas ficaram feridas.
Incêndio começou devido às velas de um aniversário; não houve explosão.

080816_1

Um incêndio em um bar de Rouen, no oeste da França, deixou 13 mortos e 6 pessoas feridas, uma delas gravemente, na madrugada deste sábado (6), anunciou o ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve.

Um dos feridos está em estado crítico, segundo porta-voz da Prefeitura de Rouen. Os 13 mortos eram jovens com idades entre 18 e 25 anos. “Uma investigação está em curso para determinar as causas do incêndio”, declarou o ministro em um comunicado.

A delegacia de Ruan informou à agência de notícias France Presse que as vítimas se intoxicaram após o teto de um salão no sótão do bar Au Cuba Libre, no centro da cidade, ser consumido pelas chamas, em um incêndio que começou devido às velas de um aniversário.

Não houve explosão, segundo a polícia. As velas utilizadas em uma festa de aniversário atearam fogo a um teto de poliestireno e os gases liberados intoxicaram as vítimas.

“Profunda tristeza perante a tragédia que custou 13 jovens vidas. Compaixão e apoio às famílias afetadas”, tuítou o primeiro-ministro francês, Manuel Valls.

“Os bombeiros receberam o alerta à 0h20 [19h20 de sexta-feira no horário de Brasília] para intervir no bar (…) e chegaram rapidamente”, indicou à AFP Yvan Cordier, secretário-geral da prefeitura, acrescentando que o estado de um dos seis feridas é crítico.

Bombeiros em frente ao bar Au Cuba Libre, onde 13 pessoas morreram e seis ficaram feridas após incêndio (Foto: Clotaire Achi/Reuters)

Bombeiros em frente ao bar Au Cuba Libre, onde 13 pessoas morreram e seis ficaram feridas
após incêndio (Foto: Clotaire Achi/Reuters)

Vítimas intoxicadas
“Não houve nenhuma explosão, as velas usadas para uma festa de aniversário atingiram o teto de poliestireno e os gases liberados intoxicaram as vítimas”, declarou à AFP a delegacia.

Citado pelo jornal Paris-Normandie, o procurador-adjunto de Rouen, Laurent Labadie, também insistiu na “origem acidental” do incêndio.

O local da tragédia amanheceu neste sábado com um perímetro de segurança estabelecido pelas forças de segurança em frente à fachada vermelha devastada de Au Cuba Libre.

Dois policiais guardavam o lugar.

No momento da tragédia, Rachid Ahmayni, um ciclista de 36, que passava pelo local, se dirigiu “imediatamente para ver o que acontecia” no bar, segundo relatou à AFP.

“Estava com medo de que fosse outro atentado terrorista, mas logo me disseram que havia sido um incêndio acidental. Eu não consegui dormir a noite inteira e voltei esta manhã para ter mais informações”, acrescentou.

A aglomeração de Rouen foi atingida há duas semanas por uma outra tragédia, o assassinato de um padre na cidade vizinha de Saint-Etienne-du-Rouvray nas mãos de dois extremistas islâmicos.

O incêndio no bar Au Cuba Libre é o mais mortal registrado na França desde 4 de setembro de 2005, quando uma casa em L’Hay-les-Roses, na periferia sul de Paris, pegou fogo, matando 18 pessoas. Em 1º de novembro de 1970, um incêndio em uma boate em Saint-Laurent-du-Pont (leste da França) causou 146 mortos, em sua maioria jovens.

Fonte: G1 Globo

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, França, incêndio, Incêndios em Bares | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Deputados aprovam mudanças em código de segurança contra incêndios

Intenção é melhorar procedimentos em edificações do Estado

Deputados aprovam mudança em lei estadual que trata do tema (Foto: Assessoria/ALMS)

Deputados aprovam mudança em lei estadual que trata do tema (Foto: Assessoria/ALMS)

Os deputados estaduais aprovaram, em primeira votação, algumas mudanças no Código de Segurança contra Incêndios, de Mato Grosso do Sul. A intenção é fazer algumas adequações nesta lei estadual, de abril de 2013, que define as exigências para edificações, instalações e ocupações temporárias, em áreas de risco.

O projeto do governo estadual prevê algumas mudanças, como a exigência de CMAR (Controle de Materiais de Acabamento e Revestimento), para edificações com área construída, superior a 750 metros quadrados.”Neste caso as edificações abaixo disto poderão conseguir o certificado via on-line”, disse Rinaldo Modesto (PSDB), líder do governo.

Outra mudança busca um melhor entendimento sobre o sistema de detecção de incêndio em locais de reuniões com público, que tenham teto ou forro com revestimento de combustível. “Desde aquela tragédia na boate Kiss, no Rio Grande do Sul, os governos tem esta preocupação em sempre atualizar as regras”, disse Modesto.

Também estabelece como exigência o sistema de hidrantes nas edificações destinadas a Centrais de Comunicação e Energia, em áreas construídas superiores a 900 metros quadrados. O governo justifica que após três anos da lei estadual, sempre não necessários evoluções nos procedimentos adotados.

O projeto segue para as comissões de mérito, para depois retornar ao plenário, onde será avaliado em segunda votação. Caso seja aprovado, segue para sanção do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Fonte: Campo Grande News

Publicado em Blog SCI, Corpo de Bombeiros, fogo, incêndio, [Incêndios no MS] | Marcado com , , , | Deixe um comentário