Ir para conteúdo

Tragédia do Gran Circus completa 55 anos

Incêndio no Gran Circus vitimou cerca de 500 pessoas e mais de 1.000 ficaram feridas em Niterói (RJ).circo_007

Há  exatos 55 anos, no dia 17 de dezembro de 1961, ocorria uma das maiores tragédias já registradas no Brasil: o incêndio do Gran Circus Norte-Americano, em Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, que matou cerca de 500 pessoas, das quais 70% seriam crianças.

No dia do fato, o circo estava com cerca de 3 mil pessoas na plateia. Faltando 20 minutos para o espetáculo acabar, uma trapezista percebeu o incêndio. Em pouco mais de cinco minutos, o circo foi completamente devorado pelas chamas.

Centenas de pessoas foram carbonizadas, outras foram sufocadas pela fumaça e algumas foram pisoteadas, em meio ao pânico dos que tentavam sair. A tragédia só não foi maior porque um elefante conseguiu romper a lona do circo, abrindo uma rota de fuga.

De acordo com informações da polícia na época, 372 pessoas morreram no local. Outras faleceram nos dias seguintes, em decorrência de ferimentos e complicações advindas do incêndio, chegando a 500 o número de mortos. Mais de 1.000 pessoas ficaram feridas.

As investigações da época indicaram que a tragédia teria sido provocada por um funcionário que teria sido demitido dias antes da estreia do circo: Adílson Marcelino Alves, o Dequinha, que já respondia por furto e apresentava problemas mentais.

O Gran Circus Norte-Americano era apontado como o maior da América Latina, com 60 artistas, 20 empregados e 120 animais. Sua montagem na Praça Expedicionário (centro de Niterói) demorou cerca de uma semana, em dezembro de 1961, e envolveu 50 empregados temporários, contratados para essa função. Só a colocação da cobertura envolvia uma complexa operação, pois o tecido de Nylon pesava mais de seis toneladas.

12008-015337-_200111292009-295271423-2009091075263-jpg_20090910Fonte: IG Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: